sexta-feira, 17 de junho de 2011

COR x IDADE X PRÓXIMO INVERNO

Ainda não sei se concordo com a Happers Bazar Jun/Jull 2011.
Em uma das reportagens ela pede para que "façamos nossas melhores escolhas para o "inverno brilhante que se aproxima".
Até tudo Ok. O Inverno será de cores intensas, como eu já falei por aqui.
Não é essa a "pendenga".

Acontece que pra ficar diferente dos outros editoriais que andam por ai, ela separou as cores e estampas por idade...

E aí eu discordo em algumas...

olha só:


A CAPA DO EDITORIAL - cores lindas, né? amei as combinações ousadas...
atenção: PRA GENTE GOSTAR, O OLHO TEM QUE ACOSTUMAR!


20 anos: acentos azuis - CHIQUE, NOVO E DE BOM GOSTO (mas será que não caberia um amarelo aqui no lugar do azul?
30 anos vermelho - BOM MUITO BOM - CHIQUE E DISCRETO - afinal a mulher de 30 não é nenhuma menininha!


40 anos: AMARELO? eu trocaria por azuis. AMARELO NOS 40 SÓ SE FOR PERTO DO "CAMELO" UM AMARELO MEIO BEGE....
50 anos: ROSA: SIM COMBINADO COM CORES MAIS NEUTRAS COMO O MARROM E TONS MENOS ABERTO DO ROSADO, FICAM CHIQUES... OLHA AS ESTAMPAS!

60 anos: CHIQUERRIMA DE VERDE (aliás verde combina com qualquer idade né?
70 anos: ATENÇÃO: ELAS NÃO SÃO MAIS VOVOZINHAS, A IDADE ESTÁ NO PENSAMENTO... e nesse caso o pensamento é de cores fortes como o magenta!

quinta-feira, 16 de junho de 2011

A ESCOLA SE RENDE AO DESIGN - SERÁ????

 


           


           


mais no blog: trd3



P.S: com o valor que pagamos de mensalidade nas boas escolas da região, bem que os alunos poderiam ter desafios assim...

quarta-feira, 15 de junho de 2011

TECIDO DE VERÃO

Você já teve acesso ao material da Renaux View?

Meu mais do que querido amigo e representante da marca Nestor Sgaraboto me emprestou o material para eu conhecer, e adivinhem.... AMEI.

COMPLETAMENTE CONCEITUAL, COM COMPROVAÇÃO DE PASSARELA E DE WGSN.

É tudo. Se você tinha dúvida no que comprar para terminar (ou começar) o VERÃO, não tenha mais.

Além de toda a importância dos tecidos leves e coloridos neste verão, a Renaux ainda tem tecidos com elastano na trama (proporcionando mais flexibilidade).

E o que mais chamou minha atenção foi  justificativa do tema escolhido: PLUGADO - LIGADO - CONECTADO - Se você ainda não é, logo logo vai estar... Não é uma onda, veio pra ficar!
(na verdade, quem escreve o texto nos lembra de uma coisinha simples simples: NOSSAS CONEXÕES NERVOSAS PLUGADAS NOS FAZEM ESCOLHER - DISSERNIR - DEFENDER E CONDENAR - NOS FAZEM PENSAR!)




VALE A PENA VER.

Vou mostrar um pouquinho...

o VOILE- tecido que  veio para ficar neste verão.
Tem um caimento lindo, ideal para peças soltas, como chemisès, vestidos e saias leves...
TTTTTTTTTTTUDO DE BOM



o AURORA tem uma cara mais masculina.
Mas o caimento continua sendo invejável.




o desenho deste teecido BEM TROPICAL é a cara do próximo verão.
IDEAL para saias evasés (e talvez até para as longas, não sei...), vestidos, shorts e calças.
VIU DÁ PRA FAZER UM MONTE DE COISAS COM ELE!







Não tenho como postar tudo, o bureaux é muito grande. Mas se você gostou, me pede o contato que eu passo!

terça-feira, 14 de junho de 2011

From: Gap - To: J. Crew

Não ainda não estou ficando maluca.
Foi exatamente isso que aconteceu em 2003. Millard "Mickey" Drexler, antigo CEO e responsável pelo império GAP / Old Navy / Banana Republic ser o que é hoje, fora demitido e então contratado pela marca que amargurava uma boa derrocada.
A marca caia vertiginosamente em venda e consequentemente em lucro.
Drexler seria o salvador.






E FOI.

Em 2005, a rede J.Crew teve seu primeiro lucro em 5 anos. Até 2008 a receita da marca engordou 107%. E mesmo com a recessão americana J.Crew continuou crescendo.

O empurrãozinho que faltava veio da "família real americana". Miss Obama e as filhas adoram a marca. Ótimo, sinal de que TODOS podem comprar J.Crew.

                                         Michelle Obama's European Style

Mas qual o segredo para crescer mesmo dentro da crise?

Para o pesquisador Underhill (autor de livros como "A Ciência do Consumo nos mercados Globais"), o crescimento está baseado no fato de que Drexler reconhece o fato "de que o vestuário é um "negócio de uniformes". Esse é o melhor nicho, mas muitas lojas se distraem fazendo fantasias em vez de roupas.  A J.Crew (e consequentemente Drexler) não é lançadora de moda. É uma seguidora. não quer iniciar tendências, mas ter a capacidade de mudar rápido".



Seguindo este pensamento, direcionado ao mercado de massa (do vender muito, com preço justo e qualidade - sim porque as roupas da J.Crew não são baratas, são acessíveis), ou o estilista começa a reler o mercado e a acertar cada vez mais, ou o pescoço da espécie está na mira da guilhotina!

Sabe qual é o principal truque do CEO?  ELE OUVE O CLIENTE. VAI ÀS LOJAS DA MARCA, CONVERSA COM O CLIENTE QUE ESTÁ COMPRANDO, COM AQUELE QUE NÃO ESTÁ COMPRANDO (PARA SABER PORQUE, CLARO), COM O VENDEDOR E COM A TELEFONISTA. ELE TWITTA E ACESSA AS REDES SOCIAIS DA MARCA. SABE PORQUE? SÓ ASSIM ELE VAI ENTENDER O QUE O CONSUMIDOR QUER NA REALIDADE. SEM ATRAVESSADORES.

Essa ferramenta usada por Drexler não é nenhuma novidade. Conhecemos e muito dela.



Daí, um convite: QUE TAL APLICAR?????

base do texto: aquela "PODER por Joyce Pascowitch" que te convidei para ler!

segunda-feira, 13 de junho de 2011

SSSSSSSSSSSSSSSSSUPER SANTO ANTÔNIO

Era 1998.
Eu estava na Itália.

Alguém, não lembro quem nem se fazia parte das atividades do rotary, sugeriu que fossemos à Pádova.



                            

(me lembro dela exatamente assim - imponente, imensa e com várias barraquinhas na frente onde a gente podia comprar relíquias!)

Tá, mas tudo isso pra contar, que Santo Antônio é cassamenteiro somente pra gente e para os uruguaios.

Sim, descobri quando fui aos pés dele, para pedir um marido (afinal a idade já estava chegando e eu estava sozinha...), e o padre, chegou para o grupo e disse que a maior das qualidades de Santo Antônio era a Comunicação. Por isso, a relíquia dele é uma parte do aparelho fonoaudiológico (em específico uma parte da língua - órgão que usamos para articular a fala).
                                           

A articulação das palavras em prol da vida e do outro me deixa crer sim que ele foi muito especial.
Capaz de escutar tudo, e doar palavras e gestos.

Santo Antônio não é só casamenteiro, nem só festeiro das festas juninas.

É o protetor das palavras.

Então:

"Santo Antônio, que este dom que desenvolvemos nos faça trazer a luz, a paz,a graça e a prosperidade a todos que nos ouvem, ou nos lêem. Obrigado pelo dom, e que ele possa ser um dom de vida!"

P.S: mas ele funciona também como casamenteiro - e a prova viva soy jo! (um marido e dois fihos, 13 anos depois!)


                                  

PIN UPS

Eu sempre tive curiosidade para saber como elas eram pintadas.
Na época de faculdade, uma amiga tinha um livro de pinturas, com uma coleção imensa destas "modelos" e eu sempre ficava imaginando como o artista chegava na perfeição imaginando a mulher desenhada...

Elas sempre foram ícones de sensualidade.
Brincavam com a mente masculina, fazendo parte do inconsciente coletivo da "categoria!"...
Andando por sites de informação encontramos esse ensaio que mostra como eram pintadas as pin ups dos anos 40!

Confiram, ficou muito bom!

" Gil Elvgren era um dos principais ilustradores de pin-ups dos anos 40, mas o mais interessante é que as ilustrações são baseadas e poses de mulheres reais."









"Estamos aqui para aprender..."

O tempo é mesmo injusto, se aproveita das nossas tristezas e as transforma em oportunidades!

Pesquisar este blog

Ocorreu um erro neste gadget